Soluções e Serviços

A OnStrategy é uma consultora multidisciplinar que ajuda os seus clientes e parceiros a criar, construir e otimizar o valor económico e financeiro. Apresentamos serviços de análise, estratégia e consultoria para maximizar o valor dos ativos tangíveis e intangíveis com metodologias e ferramentas independentes, reconhecidas e certificadas que são apoiadas por um profundo entendimento do ambiente económico, político e social que impactam o desempenho dos negócios e das marcas.

Brand Analytics

Brand Strategy

Brand Valuation

Uma ferramenta estratégica transversal, integrada e dinâmica, em conformidade com as normas de gestão de marca ISO20671, que consolida um conjunto reconhecido de dimensões de negócio e de marca bem como fontes de performance como relacionamento, posicionamento, diferenciação, reputação, experiência, presença no mercado, pessoas e equipas, saúde financeira, identificando a importância e contribuição de cada dimensão e atributo para a construção de benefícios reais de força e valor financeiro das marcas e das organizações.

A OnStrategy é reconhecida e certificada com o standard ISO 10668 atribuida pelo Austrian Standards Institute, tendo-se assim tornado parte do grupo limitado de organizações em todo o mundo que tem a qualidade de seus serviços certificados por esta norma para avaliações financeiras de ativos intangíveis.

A Norma ISO 10668 atesta a conformidade da OnStrategy com os exigentes requisitos desta norma e certifica a excelência das metodologias utilizadas para a avaliação financeira de ativos intangíveis e, como tal, de todos os modelos que suportam esses processos e respeitam as regras de contabilidade (IFRS3) e, como tal, aceites e reconhecidos pelas autoridades reguladoras.

Vivemos num mundo em que tudo acontece tão depressa, em que os hábitos e atitudes dos cidadãos estão em permanente mudança e em que a instabilidade e incerteza sobre os ambientes politico, económico e social não são controláveis pelas organizações.

A análise sobre as perceções e a realidade dos ambientes politico, económico e social é crítica para a construção da estratégia das marcas.

A força e o valor das marcas resulta de diferentes fontes e públicos alvo. Os diferentes públicos internos e externos podem atuar como embaixadores ou detratores.

A nossa abordagem quantitativa permite a construção de indicadores comportamentais de atitude e ação dos diferentes públicos alvo tais como admiração, relevância, confiança, preferência, compra, lealdade, recomendação, proteção, intenção de trabalhar e de investir.

Reputação é definida como a perceção que os diferentes públicos alvo têm em termos de ações passadas e expectativas para o futuro das organizações e das marcas. Para estes, a perceção que têm é a sua realidade.

A nossa abordagem permite às organizações descobrir e abordar as áreas mais importantes de reputação e risco. Através de uma ampla pesquisa de mercado junto dos vários públicos alvo, desenvolvemos uma plataforma de gestão de reputação e riscos para definir e gerir estratégias e táticas de posicionamento e reputação; com o suporte a dados quantitativos, também ajudamos as organizações a avaliar continuamente as implicações de reputação das decisões de negócios e a acompanhar os indicadores das fontes de reputação, os riscos e o valor financeiro do negócio que estes impactam.

A Responsabilidade Social Corporativa é considerada como uma política organizacional interna ou como uma estratégia de ética corporativa.

Desde o início do século XXI, evoluiu consideravelmente de decisões individuais e voluntárias das organizações, para modelos de desempenho obrigatórios a nível regional, nacional e internacional.

De forma a produzir resultados, a responsabilidade social corporativa deve estar alinhada e integrada no modelo de negócio das organizações.

As perceções que temos sobre as organizações e as marcas conduzem à compra e experimentação das mesmas, contudo entre perceção e realidade podem existir diferenças significativas.

Só a avaliação e comparação entre perceções (motivações) e experiência (realidade) no que respeita à satisfação de produto, satisfação de serviço (loja, digital, contact center), preço e valor percebido, e satisfação das necessidades pode ajudar a definir linhas de atuação de comunicação internas e/ou externas.

Recolhemos, mapeamos e dimensionamos um conjunto de indicadores que permitem entender e gerir a ativação dos negócios e das marcas, em termos de força, riscos, oportunidades e sustentabilidade, nomeadamente quotas de mercado, quotas de comunicação, cobertura geográfica, qualidade de distribuição, preço / valor e eficiência dos pontos de contacto com os diferentes públicos alvo.

As decisões de investimento financeiro de ativação das marcas devem ser suportadas pela correta identificação dos vários pontos de contacto destas com os seus públicos alvo, bem como pela sua importância qualitativa e quantitativa e ainda pela adequação para criar e construir posicionamento, reputação, notoriedade, confiança e compra.

A nossa análise qualitativa e quantitativa mostra, para cada indústria e para os diferentes públicos alvo, quais são os pontos de contato mais eficientes em conceitos como meios tradicionais, meios digitais e redes sociais, patrocínios, marketing direto, merchandising e ponto de venda.

Também ajuda a medir o alinhamento e a otimização da ativação da marca com os pontos de contato mais eficientes de cada sector de atividade e, no final, se o investimento financeiro da marca está corretamente alocado de acordo com a eficiência dos pontos de contato e/ou qual o investimento ideal na ativação das marcas.

O sucesso de uma organização resulta da força combinada de dimensões como relacionamento, posicionamento, reputação, presença no mercado e alinhamento, compromisso e desempenho dos colaboradores.

Através de um processo de 360º avaliamos um vasto conjunto de características emocionais, racionais, sociais e individuais que permitem construir indicadores individuais e globais de força das pessoas, um posicionamento e um mapa de personalidade individual, um equilíbrio e complementaridade das equipas e também posicionar cada um em termos de contribuição para o sucesso das organizações e das suas marcas.

Uma ferramenta de auditoria e de consultoria que integra um processo de análise e um conjunto de recomendações sobre as áreas de produto, serviço, embalagem, preço, inovação, cadeia de abastecimento (compra, produção, logística e atendimento ao cliente), segurança, saúde, meio ambiente, cidadania e organização, colaboradores, local de trabalho, liderança, desempenho e valor acrescentado.

Brand Equity and Strength Management

Uma ferramenta estratégica transversal, integrada e dinâmica, em conformidade com as normas de gestão de marca ISO20671, que consolida um conjunto reconhecido de dimensões de negócio e de marca bem como fontes de performance como relacionamento, posicionamento, diferenciação, reputação, experiência, presença no mercado, pessoas e equipas, saúde financeira, identificando a importância e contribuição de cada dimensão e atributo para a construção de benefícios reais de força e valor financeiro das marcas e das organizações.

Brand Monetary Valuation

A OnStrategy é reconhecida e certificada com o standard ISO 10668 atribuida pelo Austrian Standards Institute, tendo-se assim tornado parte do grupo limitado de organizações em todo o mundo que tem a qualidade de seus serviços certificados por esta norma para avaliações financeiras de ativos intangíveis.

A Norma ISO 10668 atesta a conformidade da OnStrategy com os exigentes requisitos desta norma e certifica a excelência das metodologias utilizadas para a avaliação financeira de ativos intangíveis e, como tal, de todos os modelos que suportam esses processos e respeitam as regras de contabilidade (IFRS3) e, como tal, aceites e reconhecidos pelas autoridades reguladoras.

Business and Brand Environment

Vivemos num mundo em que tudo acontece tão depressa, em que os hábitos e atitudes dos cidadãos estão em permanente mudança e em que a instabilidade e incerteza sobre os ambientes politico, económico e social não são controláveis pelas organizações.

A análise sobre as perceções e a realidade dos ambientes politico, económico e social é crítica para a construção da estratégia das marcas.

Stakeholders Relationship Management

A força e o valor das marcas resulta de diferentes fontes e públicos alvo. Os diferentes públicos internos e externos podem atuar como embaixadores ou detratores.

A nossa abordagem quantitativa permite a construção de indicadores comportamentais de atitude e ação dos diferentes públicos alvo tais como admiração, relevância, confiança, preferência, compra, lealdade, recomendação, proteção, intenção de trabalhar e de investir.

Brand Reputation Management

Reputação é definida como a perceção que os diferentes públicos alvo têm em termos de ações passadas e expectativas para o futuro das organizações e das marcas. Para estes, a perceção que têm é a sua realidade.

A nossa abordagem permite às organizações descobrir e abordar as áreas mais importantes de reputação e risco. Através de uma ampla pesquisa de mercado junto dos vários públicos alvo, desenvolvemos uma plataforma de gestão de reputação e riscos para definir e gerir estratégias e táticas de posicionamento e reputação; com o suporte a dados quantitativos, também ajudamos as organizações a avaliar continuamente as implicações de reputação das decisões de negócios e a acompanhar os indicadores das fontes de reputação, os riscos e o valor financeiro do negócio que estes impactam.

A Responsabilidade Social Corporativa é considerada como uma política organizacional interna ou como uma estratégia de ética corporativa.

Desde o início do século XXI, evoluiu consideravelmente de decisões individuais e voluntárias das organizações, para modelos de desempenho obrigatórios a nível regional, nacional e internacional.

De forma a produzir resultados, a responsabilidade social corporativa deve estar alinhada e integrada no modelo de negócio das organizações.

Stakeholders Experience Management

As perceções que temos sobre as organizações e as marcas conduzem à compra e experimentação das mesmas, contudo entre perceção e realidade podem existir diferenças significativas.

Só a avaliação e comparação entre perceções (motivações) e experiência (realidade) no que respeita à satisfação de produto, satisfação de serviço (loja, digital, contact center), preço e valor percebido, e satisfação das necessidades pode ajudar a definir linhas de atuação de comunicação internas e/ou externas.

Brand Market Presence Management

Recolhemos, mapeamos e dimensionamos um conjunto de indicadores que permitem entender e gerir a ativação dos negócios e das marcas, em termos de força, riscos, oportunidades e sustentabilidade, nomeadamente quotas de mercado, quotas de comunicação, cobertura geográfica, qualidade de distribuição, preço / valor e eficiência dos pontos de contacto com os diferentes públicos alvo.

Brand Touchpoints Management

As decisões de investimento financeiro de ativação das marcas devem ser suportadas pela correta identificação dos vários pontos de contacto destas com os seus públicos alvo, bem como pela sua importância qualitativa e quantitativa e ainda pela adequação para criar e construir posicionamento, reputação, notoriedade, confiança e compra.

A nossa análise qualitativa e quantitativa mostra, para cada indústria e para os diferentes públicos alvo, quais são os pontos de contato mais eficientes em conceitos como meios tradicionais, meios digitais e redes sociais, patrocínios, marketing direto, merchandising e ponto de venda.

Também ajuda a medir o alinhamento e a otimização da ativação da marca com os pontos de contato mais eficientes de cada sector de atividade e, no final, se o investimento financeiro da marca está corretamente alocado de acordo com a eficiência dos pontos de contato e/ou qual o investimento ideal na ativação das marcas.

People Strength Management

O sucesso de uma organização resulta da força combinada de dimensões como relacionamento, posicionamento, reputação, presença no mercado e alinhamento, compromisso e desempenho dos colaboradores.

Através de um processo de 360º avaliamos um vasto conjunto de características emocionais, racionais, sociais e individuais que permitem construir indicadores individuais e globais de força das pessoas, um posicionamento e um mapa de personalidade individual, um equilíbrio e complementaridade das equipas e também posicionar cada um em termos de contribuição para o sucesso das organizações e das suas marcas.

Brand Sustainability

Uma ferramenta de auditoria e de consultoria que integra um processo de análise e um conjunto de recomendações sobre as áreas de produto, serviço, embalagem, preço, inovação, cadeia de abastecimento (compra, produção, logística e atendimento ao cliente), segurança, saúde, meio ambiente, cidadania e organização, colaboradores, local de trabalho, liderança, desempenho e valor acrescentado.

Reconhecimento e Certificação

Standard ISO 20671 Standard ISO 10668

Requisitos de Avaliação e Valorização de Ativos Intangíveis

Este certificado atesta a conformidade dos serviços e das metodologias listadas com os requisitos da norma, de acordo com o EM 45011 / ISO Guide 65 e certificado pela SQS EN ISO 9001.

ESOMAR

É a comunidade global de estudos de mercado e a voz das indústrias de dados, pesquisa e perceções; é uma organização que representa os interesses da profissão de pesquisa de dados de mercado a nível internacional. É a associação global do setor e há 70 anos orienta e regula a pesquisa e a análise de dados.

Corporate Excellence

É a referência empresarial e académica de técnica e ética para fortalecer a gestão integrada de ativos intangíveis, com o compromisso de promover e construir a competitividade e confiança das organizações, gerando valor económico e social.

Atenção, o seu browser está desactualizado.
Para ter uma boa experiência de navegação recomendamos que utilize uma versão actualizada do Chrome, Firefox, Safari, Opera ou Internet Explorer.